Depressão teve início assim que Bendine deixou o poder

O ex-presidente do Banco do Brasil e da Petrobras, Aldemir Bendine, vive um processo de depressão já há algum tempo, bem antes de ter sua prisão decretada pelo juiz Sérgio Moro.


O choque de se perceber um homem sem mais nenhum poder e a aproximação das investigações da Operação Lava Jato sobre a sua pessoa, fatalmente foram os desencadeadores do processo depressivo.

Segundo o Radar On-Line da Revista Veja pessoas do círculo íntimo de Dida garantem que a delação dele é meramente uma questão de tempo.

Se realmente resolver falar, Dida atingirá em cheio a ex-presidente Dilma Rousseff, que até o momento permanece muda com relação a prisão de seu outrora homem de extrema confiança.

Gonçalo Mendes Neto

goncalo@jornaldacidadeonline.com.br

da Redação

Comentários

Mais em Política