Temer desmente Gilmar Mendes

Sobre os encontros fora de hora mantidos entre o presidente Michel Temer e o ministro Gilmar Mendes, o magistrado do STF justificou dizendo que o objetivo era discutir a reforma política, as mudanças no sistema político e eleitoral.


Em nota à imprensa distribuída neste sábado (12), Temer desmentiu acintosamente o ministro Gilmar Mendes.

A tal nota afirma categoricamente que o presidente da República não está participando de discussões sobre a reforma política.

‘O presidente Michel Temer não está participando da discussão sobre a reforma política. Não se envolveu na adoção do distritão, nem na criação do fundo eleitoral. Esses são temas do Congresso Nacional’, diz o texto.

É fato notório que o Palácio Jaburu tem sido usado para discutir na calada da noite assuntos proibidos, pelo menos foi assim com o empresário Joesley Batista.

Ao que parece, diante da contradição, também tem sido assim com o ministro do STF.

E não se pode esquecer que recentemente, foi a vez de Temer receber Raquel Dodge, também no Jaburu e tarde da noite.

A futura PGR alegou que foi discutir detalhes sobre a sua posse.

Fica difícil acreditar que Temer esteja fazendo às vezes do cerimonial do Palácio do Planalto.

da Redação

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Política