assinante_desktop_cabecalho
assinante_desktop_menu_principal

Confronto entre jornalista e senadora tem desfecho com choro, vitimização e acusação de falta de decoro (veja os vídeos)

Ler na área do assinante

Na véspera do dia da votação do impeachment de Dilma Rousseff teve início o confronto entre a conhecida jornalista Joice Hasselmann e a senadora Regina Souza, do PT do Piauí.

A celeuma foi provocada em função de críticas que Joice desferiu contra a senadora petista no momento em que ela discursava da tribuna do senado. Uma fala realmente bisonha, que teria levado até o próprio advogado de Dilma, o ex-ministro José Eduardo Cardozo, às gargalhadas.

A senadora, mesmo possuindo nível superior – é formada em Letras – não possui um discurso bem articulado e comete inúmeros erros de concordância. Joice detonou. Veja parte do vídeo:

Sentindo-se ofendida, Regina Souza entrou com ação na Justiça de Brasília e conseguiu tirar o vídeo do ar. Insatisfeita com a decisão monocrática, a jornalista recorreu.

Esta semana, o Tribunal de Justiça do Distrito Federal, por unanimidade, deu razão ao recurso interposto e determinou que o tal vídeo retornasse ao ar.

Diante disso, na terça-feira (22), a petista usou a tribuna para se lamentar, chorar e fazer uma estranha comparação entre ela e a atual miss Brasil, vítima de insultos e discriminação racial.

Veja o vídeo:

A comparação infeliz foi alvo de novas críticas de Joice. Que em novo vídeo acusou a senadora de ‘mentirosa’ e de falta de decoro, pois suas críticas foram de conteúdo meramente politico, sem qualquer conotação discriminatória ou racial.

A petista, segundo Joice, foi oportunista, ‘chorando forçado’, mentindo e tentando se vitimizar. Veja um trecho do vídeo:

Caso queira ver este último vídeo na íntegra, clique aqui: VÍDEO COMPLETO.

De fato, a vitimização é regra geral entre os petistas. As críticas de Joice, bem duras, mas sem nenhuma conotação de cunho racial ou discriminatório.

da Redação
assinante_desktop_conteudo_rodape

Comentários