Kakay possesso com Bolsonaro, que acusa de ‘golpe baixo’

O advogado conhecido pela alcunha de Kakay, contumaz na ação de levantar calúnias contra o juiz Sérgio Moro e fiel defensor do ex e futuro presidiário José Dirceu, acaba de levar um golpe estonteante desferido pelo deputado federal Jair Bolsonaro.


O tal Kakay, dotado de bons conhecimentos jurídicos, mas que utiliza de forma malévola, foi o idealizador da ação que questiona a possibilidade de que condenados possam ser presos logo após a decisão em 2ª instância.

Para ingressar com a mencionada ação, Kakay utilizou o PEN, o novo partido de Bolsonaro.

O pré-candidato à presidência, ao ingressar no PEN, exigiu o afastamento do causídico da ação.

No decorrer da semana passada Kakay foi notificado de que estava fora da causa.

Kakay está indignado: ‘Tenho 36 anos de advocacia. Só faço advocacia criminal. Jamais fui destituído de uma procuração. Ser afastado pelo Bolsonaro é algo que entra para o meu currículo’. 

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Direito e Justiça