Boa vida no Brasil para terrorista italiano deve acabar nos próximos dias

De maneira sigilosa o governo da Itália requereu ao governo brasileiro que a extradição do terrorista Cesare Battisti seja revista pelo presidente Michel Temer.

Battisti é um escritor italiano, membro dos Proletários Armados pelo Comunismo (PAC), grupo de extrema esquerda ativo na Itália no fim dos anos 1970.

Em 1987, ele foi condenado pela justiça italiana por terrorismo à prisão perpétua, em razão da autoria de quatro homicídios.

Em 2004, após uma temporada na França, veio foragido para o Brasil.

O governo da Itália apresentou pedido de extradição em 2007, que foi negado pelo presidente Lula.

A decisão pode ser revista agora pelo presidente Temer.

A farra acabou!

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Internacional