Sob comando do genro, Câmara aprova foro privilegiado para "Angorá"

A classe politica não se cansa de afrontar o povo brasileiro. É verdadeiramente inescrupulosa e sem noção.

Nesta terça-feira (26) a Câmara dos Deputados cometeu mais um ato de absoluta imoralidade.

Aprovou a Medida Provisória 782/17, garantindo o status de ministério para a Secretaria-Geral da Presidência da República e a criação do Ministério dos Direitos Humanos.

Na prática, o objetivo da medida é garantir que o atual chefe da Secretaria-Geral, Moreira Franco (PMDB), o ‘Angorá’, sogro de Rodrigo Maia, tenha direito ao foro privilegiado.

Angorá, além da implicação em inúmeras situações suspeitíssimas, na denúncia apresentada pela Procuradoria-Geral da República (PGR) contra Michel Temer, ele e o chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha (PMDB) também são acusados de pertencimento à organização criminosa. 

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Política