Estranho homicídio: Mulher atira no marido e mata amiga

Turistas alugaram uma casa para passar o final de semana em Mongaguá, cidade localizada no litoral de São Paulo.

Na noite deste sábado, o casal Zilma Rodrigues do Amaral e Alexandre Antonio dos Santos, conversavam perto da piscina do imóvel, quando iniciaram uma discussão.

Em dado momento da briga de casal, a mulher sacou uma arma e teria atirado contra o marido. Errou o tiro, atingindo a jovem Andressa Silva Gouveia, de apenas 22 anos, moradora de Diadema (SP).

De acordo com a polícia, logo após o tiro fatal, um dos amigos que fazia parte do grupo, tirou a arma de Zilda. O grupo permitiu que ela fugisse. A arma do crime, estranhamente sumiu.

Andressa foi atingida na região do tórax. Foi socorrida, mas não resistiu aos ferimentos.

Zilda e Alexandre mantinham um relacionamento há 12 anos e tinham uma filha. O casal, segundo testemunhas, costumava brigar nas festas, dai ninguém ter se importado quando a discussão iniciou.
___________


___________
Cercam o crime inúmeras questões ainda não explicadas.

Como Zilda conseguiu fugir tranquilamente, sem ser interpelada, após matar uma amiga do grupo?

De quem era a arma?

Quem desarmou Zilda?

A quem interessa o sumiço da arma?

Porque levaram uma arma para uma viagem de passeio na praia? Houve premeditação?

A autora e a vítima tinham alguma animosidade?

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Polícia