A mais veemente lição aplicada na JBS e na família Batista (veja o vídeo)

Coube a um deputado federal de Santa Catarina, João Rodrigues (PSD), aplicar a mais dura lição na família Batista e na JBS.

O delator Wesley Batista foi quem sofreu os ataques durante o seu depoimento na CPI da JBS.

“Talvez, neste momento, o senhor queira ser apenas o açougueiro do frigorífico, e não o dono do grupo. Mas quando o senhor se envolveu em ações promíscuas, o senhor cometeu crimes graves. O senhor pegou dinheiro ilícito, está provado, para pagar propina para ladrão. O senhor e o seu grupo, o senhor e a sua quadrilha. Muita gente foi cooptada pelo senhor.”

O deputado ainda prosseguiu acusando Wesley de ter tratado o Judiciário com deboche:

“como se fosse o porão da casa de vocês, o Ministério Público como se fosse um bando de bandidos e o Legislativo brasileiro como um lugar apenas de canalhas”.

E finalizou

“No dia seguinte à delação de vocês, vocês pegaram um jatinho e foram para Nova York, dando risada dos palhaços deste país. A Justiça tarda, mas não falha. Isto aqui é só um começo. Vocês vão pagar por tudo o que fizeram por este país. Vocês contribuíram para piorar este país. O senhor não tem vergonha de tudo o que vocês fizeram contra este país?"

Diante do silêncio de Wesley, o deputado arrematou:

“Se falasse, seria honesto e decente pelo menos uma vez na vida. Desejo ao senhor uma boa hospedagem (na cadeia) e que ela dure por muito tempo."

Abaixo, veja o vídeo:

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Política