Garota de 11 anos arrasa sucessora de Che Guevara em trabalho escolar e choca professora

O trabalho realizado por uma estudante de São Paulo, de apenas 11 anos de idade, sobre a comunista mexicana Frida Kahlo está viralizando nas redes sociais.

A pequena, lúcida e inteligente garota conseguiu ‘chocar’ a sua professora.

Frida Kahlo vem sendo reverenciada pela esquerda mundial como a sucessora de Che Guevara.

O conhecimento demonstrado pela garota impressiona e desnuda a referência comunista.

Veja abaixo o texto:

Curiosidade sobre Frida Kahlo
Em 1928 entrou no partido comunista mexicano e conheceu o muralista Diego Rivera com quem se casou.
Diego teve diversas amantes, sendo que em 1934 teve um caso com a cunhada Cristina, irmã caçula da esposa. Separaram-se e na reconciliação em 1940, Frida construiu uma casa igual a dele, ao lado da casa em que eles viviam. Essa casa era ligada a outra por uma ponte, e eles mantinham relações sexuais, mas sem morar juntos. Encontravam-se na casa dela ou na dele, nas madrugadas.
Frida viveu romances com León Trotski, Nickolas Muray, Isamu Noguchi, entre outros, também era bissexual assumida e sua lista de affairs com outras mulheres inclui Josephine Baker, Georgia O’Keelfee e Chavela Vargas.
O romance com Trotski, revolucionário comunista que junto com Lenin e Stalin, comandou a revolução russa e levou a morte milhões de seus próprios compatriotas , contribuiu para a fama da artista dentro do movimento revolucionário internacional.
Gostava de vestir como homem e em seus autorretratos reforçava a sobrancelha e o buço porque achava isso bonito, apresentação estética que me remete ao inverso do bom, do belo e do justo.
É a nova Che Guevara em termos de ideologia revolucionária – o argentino já foi devidamente desmascarado como o assassino sanguinário que é, então o movimento revolucionário encontrou na mexicana uma nova figura representando seus ideais – nominalmente o feminismo, a promiscuidade, a total destruição dos valores tradicionais cristãos e ainda por cima a vitimização  que desconsidera a responsabilidade por suas decisões.
Apesar de considerar seu trabalho artístico esteticamente deficiente, escolhi uma pintura que seja menos impactante negativamente.

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Tema Livre