Um Grito de Socorro: Brasil, um país entregue à sua própria sorte

O que, ou quem, salvará o nosso país deste triste destino?

Como uma embarcação sem comandante, descemos as águas turbulentas de um rio caudaloso, cheio de pedras pontiagudas, rumo à uma cachoeira mortal.

Ministro da Justiça acusa o alto comando da PM de estar ligado ao crime organizado do RJ, bandidos explodem diariamente bancos e carros fortes, MST e MTST invadem e destroem propriedades privadas, estudantes e militantes de esquerda se apoderaram das universidades federais atacando e intimidando quem ousa pensar diferente, assaltantes roubam, matam e estupram impunemente nossos filhos e filhas, parlamentares legislam em causa própria, executivo assalta os cofres públicos, o judiciário acoberta todos da quadrilha.... O que é feito? Simplesmente nada. O povo assiste passivamente a destruição do futuro de nossa Pátria.

O que será que aconteceu com a nossa capacidade de indignação e de revolta?

O que mais precisa acontecer para que saiamos deste estado catatônico que nos molesta e nos consome?

Cadê as nossas FFAA? Onde estão vocês que não se apresentam e não  agem?

Parece que só nos restou essa alternativa, tudo o mais está contaminado e desacreditado.

Nossa soberania corre grande perigo, inimigos internos e externos ameaçam a nossa Pátria. O que esperam para agir?

Roberto Corrêa Ribeiro de Oliveira

Médico anestesiologista, socorrista e professor universitário

Mais de Roberto Corrêa Ribeiro de Oliveira

Comentários