Cabral e Garotinho, é hoje o reencontro inusitado no “banho de sol”

De uma maneira geral, o ceticismo ainda impera na sociedade com relação ao combate à corrupção.

Muita gente ainda duvida que o país esteja realmente mudando.

Não tenho dúvida que vivemos novos tempos.

E não são questões pontuais que forjam a minha crença. É todo o contexto.

Nesta quinta-feira (23), dois homens que governaram o estado do Rio de Janeiro estarão tendo um inusitado encontro no banho de sol de um presídio. Aliás, os três últimos mandatários do estado estão presos: Cabral, Garotinho e Rosinha.

Os bons tempos da impunidade
Os bons tempos da impunidade


Atente-se que o Rio de Janeiro foi um dos estados mais massacrados pela desvairada corrupção que se instalou no país, notadamente nos últimos 20 anos.

Políticos e empresários de todo o Brasil, envolvidos em esquemas ilícitos estão presos ou correm o sério risco de serem presos a qualquer momento.

O combate à corrupção é um caminho sem volta, é sinal de novos tempos e de uma nova mentalidade.

A luta evidentemente é árdua, é dura e é extremamente complicada.

Mas, é sem volta.

Eu acredito.



Amanda Acosta

Articulista e repórter
[email protected]

Mais de Amanda Acosta

Comentários

Notícias relacionadas

loading...