Dois homens legalmente armados param atirador e impedem tragédia

Quando armas salvam vidas, você não verá uma reportagem no Fantástico.

Esse caso não será noticiado no Fantástico, na Globo NEWS ou em qualquer outro veículo da mídia tradicional, cúmplice da agenda desarmamentista e tirânica das esquerdas. A história se passou na cidade norte-americana de Rockledge, na Flórida.

No dia seguinte ao dia de Ação de Graças, um homem de 28 anos, armado e portando diversos diversos cartuchos de munição, foi até o estacionamento de uma loja de auto-peças e oficina mecânica chamada Schlenker Automotive e abriu fogo em direção à loja, matando um funcionário e deixando outro paraplégico.

Outros dois funcionários que eram portadores de armas devidamente legalizadas abriram fogo contra o atirador. O criminoso, Robert Lorenzo Bailey Jr, foi levado ao hospital em estado grave.

Segundo o chefe da polícia local, Joseph La Sata,
“Se não fosse pela bravura e reação rápida dos empregados da Schlenker, isso poderia ter sido muito pior. O senhor Bailey tinha vários cartuchos em sua posse. Ele tinha a intenção de machucar as pessoas.”
O criminoso não tinha ligações com a loja e pouco se sabe de suas motivações até o momento. Os ex-colegas de trabalho afirmaram que e vinha agindo de maneira estranha há alguns dias e que havia sido demitido por discutir com um dos seus patrões.


da Redação

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Policia

loading...