Desvendando a sordidez da imprensa petista

A imprensa petista, aquela que foi financiada de maneira abastada durante os 13 anos do partido no poder, vem desde o início da Operação Lava Jato tentando de todas as formas desmoralizar o juiz Sérgio Moro e os procuradores da força-tarefa da República de Curitiba.

É a maneira encontrada para tentar esconder as falcatruas desta verdadeira organização criminosa que se tornou o PT.

Esse pseudojornalismo praticado é extremamente covarde e imoral.

Mentem escandalosamente, criam fatos e imputam inverdades que são vigorosamente alardeadas pela militância insana nas redes sociais.

Nesta segunda-feira (4) a publicação denominada Revista Fórum veiculou um artigo denominado ‘Moro está fugindo’



No artigo infame e sem nexo, o dito articulista, de nome Leandro Fortes, destila uma série de absurdos e ofensas contra o magistrado e afirma que Moro está prestes a efetuar uma ‘fuga planejada’ para os Estados Unidos. Transcrevemos:
“Hoje, graças à Lava Jato, a economia nacional está devastada, o Estado de Direito, ameaçado e o poder tomado por uma quadrilha que fez do Palácio do Planalto uma pocilga digna de uma republiqueta de bananas de anedota.
Agora, quando os grupos golpistas ligados ao PSDB e PMDB começam a ser atingidos pela mesma lama que a Lava Jato pensou em represar apenas para o PT, o juiz Moro pensa em tirar um ano sabático, nos Estados Unidos.
Isso, obviamente, não pode ser uma coisa séria.
Um juiz de primeira instância destrói a economia e o sistema político de um país, deixa em ruínas 13 anos de avanços sociais, estimula o fascismo, divide a nação e, simplesmente, avisa que vai tirar férias de um ano?
Não se enganem: o que está havendo é uma fuga planejada.”
O detalhe deprimente é que este embuste havia sido publicado originalmente há um ano, ou seja, mais precisamente, em 28 de novembro de 2016.

Segundo o texto, a tal ‘fuga’ seria naquela época, antes da primeira sentença condenatória de Lula.

Moro está ai, prestes a julgar Lula novamente, e o artigo é republicado. 

No final do texto, o aviso de que se trata de uma republicação. Veja:



O tal aviso é o atestado da mentira fornecido pelo próprio mentiroso.

A infâmia lançada em 2016, é relançada em 2017.

Uma mentira deslavada protagonizada por um sujeito de pouquíssima intimidade com a inteligência.


Amanda Acosta

Articulista e repórter
[email protected]

Mais de Amanda Acosta

Comentários

Notícias relacionadas

loading...