Mulher que foi atração do “Superpop” é condenada por envolvimento com o PCC (veja o vídeo)

Luana de Almeida Domingos, a Luana Don, que ficou conhecida como repórter do programa da apresentadora Luciana Gimenez, após se afastar das câmeras, virou advogada e se aproximou do PCC.

Atuando na defesa da organização criminosa, juntamente com um grupo de 54 pessoas, Luana foi denunciada por seu envolvimento nas atividades criminosas da facção.

A suspeita era de que a advogada atuasse como ‘pombo correio’, repassando ordens e informações dos líderes do PCC presos.

Luana chegou a ser considerada uma das criminosas mais procuradas do estado de São Paulo, que oferecia recompensa de R$ 50 mil por informações que levassem à sua prisão.



No dia 04 de julho ela acabou sendo presa e na semana passada foi condenado a 5 anos e três meses de prisão.

Na decisão que a condenou, o juiz concedeu a Luana a possibilidade de aguardar o julgamento do recurso em liberdade.

Ela garante que não vai mais advogar para o PCC e que vai tentar retomar sua carreira de modelo e repórter.

Abaixo, um vídeo de Luana Don no Superpop. Ela é talentosa. 

Veja:
da Redação

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Policia

loading...