Até março Lula será preso e pode estar em andamento uma grande ‘marmelada’ (veja o vídeo)

Independente da mudança da questão da prisão de condenados em 2ª instância pelo Supremo Tribunal Federal, o Brasil viverá em março de 2018 o momento apoteótico da prisão do criminoso Luiz Inácio Lula da Silva.

Já se pode afirmar com certeza que em caso da confirmação da sentença condenatória do juiz Sérgio Moro pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4), Lula será recolhido imediatamente para a cadeia.

É o entendimento da lei.

Todavia, sabe-se que existe uma real possibilidade de mudança desse entendimento pelo Supremo Tribunal Federal (STF), ou seja, condenado em Segunda Instância poderá recorrer em liberdade.

De todo modo, é certo que pela velocidade dos dois tribunais – TRF-4 e STF – que tal mudança não ocorrerá antes do julgamento de Lula.

Assim sendo, o ex-presidente terá que recorrer preso, sujeito ao entendimento que ora vigora. Nesse sentido é o comentário do jornalista Marco Antonio Villa. Veja o vídeo:

Preso, Lula recorreria e provavelmente seria solto pelo STF.

Uma vez em liberdade, estaria em voga a grande ‘marmelada’.

Lula desistiria eternamente de uma candidatura presidencial e sairia candidato a deputado federal. Eleito deputado, Lula ganharia o ‘foro privilegiado’ e todos os seus processos voltariam a estaca zero para serem julgados pelo STF.

É uma conversa que rola e que num efeito dominó beneficiaria inúmeros outros criminosos importantes.

A luta contra a corrupção é árdua.

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Direito e Justiça