A vedete da semana

O ilustre magistrado mato-grossense Gilmar Mendes conseguiu a proeza de ser acusado por diferentes safadezas e imoralidades em duas revistas semanais de grande circulação: uma matéria de sete páginas, com chamada de capa, em VEJA; e matéria de capa da Revista ISTOÉ.

Tal proeza é reservada apenas a grandes nomes desde nosso Brasil feudal, como ao passista de quadrilha Luiz Inácio da Silva, vulgo "Lula".

Em Veja, Gilmar é visto em flagrante das câmeras de segurança ao lado dos irmãos Wesley e Joesley Batista, capitaneando milionário patrocínio da JBS Friboi para sua empresa educacional.

O comentário do colunista Augusto Nunes bem resume a ópera do malandro: "Isso é muito mais que uma agressão à Ética. É caso de polícia." (Fonte: Veja)

Já a matéria de capa da IstoÉ revela que o Ministério Público Federal - MPF prepara denúncia contra Gilmar Mendes e alguns familiares por suspeita de fraude na venda de sua faculdade em Diamantino/MT para a UNEMAT - Universidade do Estado de Mato Grosso durante o governo de Silval Barbosa (PMDB), atualmente condenado, preso e delator em várias operações da Polícia Federal - PF e do MPF, incluindo a Operação Lava Jato e a Operação Ararath.

"A compra [da faculdade], segundo o MP, esteve eivada de irregularidades. Além da suspeita de superfaturamento, o negócio foi realizado com recursos extra-orçamentários do Governo de Mato Grosso e sem autorização da Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso", diz a matéria da revista ISTOÉ. (Fonte:IstoÉ)
Viva a #BananeiraJeitinho!!!

E segue o enterro...

Helder Caldeira

Escritor, Colunista Político, Palestrante e Conferencista
*Autor dos livros “Águas Turvas” e “A 1ª Presidenta”, entre outras obras.

Siga-nos no Twitter!

Mais de Helder Caldeira

Comentários

Notícias relacionadas