Situação criminal de filho de Puccinelli é dramática

Envolvido até o pescoço nas travessuras que o pai praticou durante 16 anos, como prefeito de Campo Grande e governador de Mato Grosso do Sul, o advogado André Puccinelli Júnior está numa situação extremamente complicada e não deverá escapar de severa condenação.

Professor e escritor de livros jurídicos, as obras do advogado eram utilizadas pelo pai para ‘lavar dinheiro’.

A Polícia Federal calcula que o esquema de corrupção movimentou cerca de R$ 235 milhões.

Tido como homem poderoso, André Puccinelli é o padrinho político do atual ministro chefe da Secretaria de Governo do presidente Michel Temer, o deputado Carlos Marun.

Em todas as gestões do ‘capo’, como é chamado André, o atual ministro participou ativamente.

Pai e filho, o governador e o advogado escritor, recentemente foram presos, mas no dia seguinte à prisão conseguiram um habeas corpus.

O advogado do HC impetrado foi Antônio Mariz, que há pouco tempo advogava para o presidente Michel Temer, no caso envolvendo a delação da JBS.

Aliás, André Puccinelli também está envolvido no escândalo da JBS.

A turma não é fraca.

E nessa quem vai levar a pior parece que será o escritor.

André nunca teve escrúpulos de envolver os filhos em suas falcatruas. Recentemente a filha médica, Vanessa Puccinelli Dotti. também teve que visitar a PF.

Lívia Martins

Articulista e repórter
[email protected]

Mais de Lívia Martins

Comentários

Notícias relacionadas