No dia seguinte a Rosário, é a vez de Tarso acionar a polícia

Nesta sexta-feira (29) a vítima da bandidagem em Porto Alegre (RS) foi a família do ex-ministro Tarso Genro.

A casa de uma das filhas do petista, localizada no bairro Medianeira, na Zona Sul, foi a escolhida para mais um assalto na combalida capital do Rio Grande do Sul.

Vanessa Genro e demais moradores foram rendidos no portão da residência.

A Brigada Militar foi acionada pelo próprio Tarso, mas quando chegou ao local, os assaltantes haviam fugido num Fiat Verde.

Em nota, a ex-deputada Luciana Genro, irmã de Vanessa, disse que não houve violência, apenas prejuízos materiais e dinheiro.

Veja a nota de Luciana:

“Diante da procura da imprensa por informações, informo que a minha irmã Vanessa Genro teve a sua casa invadida na manhã desta sexta-feira por dois homens armados, que buscavam dinheiro. Não houve violência física, apenas prejuízos materiais e, felizmente, a Vanessa está bem. Tudo foi resolvido com a ação correta da Brigada Militar e da Polícia Civil, que chegaram lá junto com meu pai, Tarso Genro. Os assaltantes já tinham fugido no momento em que a polícia chegou".

da Redação

Comentários

Mais em Polícia