A tenebrosa história de “Daniel”, contada por quem conheceu de perto (veja o vídeo)

Para o ditador Fidel Castro, José Dirceu era ‘Daniel’. Esse foi apenas um dos nomes pelos quais o petista foi tratado em sua vida devassa, a margem da sociedade e na clandestinidade.

José Dirceu chega aos 71 anos com uma tornozeleira e na iminência de retornar para a prisão, onde deverá permanecer até o fim de seus dias.

Daniel, o Zé, ainda utilizou um outro nome. Carlos Eduardo Gouvêia, e assim se casou na pequena cidade de Cruzeiro do Oeste no interior do Paraná.

Viveu quatro anos como Carlos Eduardo, casou com uma moça rica, teve um filho, sem que ela nunca soubesse de sua verdadeira identidade.

O jornalista Augusto Nunes conta com detalhes a história do ex-ministro, o homem que quando finalmente conseguiu chegar ao poder, utilizou-o tão somente para o mal, para se locupletar e se enriquecer ilicitamente.

Abaixo, veja o vídeo:

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Política