Por interesses pessoais e inconfessáveis, artistas da Globo ofendem Moro (Veja o Vídeo)

É nauseante ver um ator, em puro ato de encenação, dizer que um juiz sério, decente e conhecedor do direito, violou as leis do país.

Foi o que disse Herson Capri, ator da Rede Globo.

Como o sujeito tem tamanho atrevimento? Certamente imagina que tem ‘às costas quente’. Foi mandado.

A defesa de Lula, segundo apuração feita pelo jornal ‘O Globo’ foi recordista na propositura de recursos. Recorreu de tudo e perdeu todas. Perdeu no TRF-4, perdeu no STJ e perdeu no STF.

Um juiz de primeira instância jamais teria tamanho êxito se não estivesse agindo rigorosamente dentro da lei.

Que sujeito imoral, esse ator.

Na sequência um grupo de ‘pau mandados’ engrossa a retórica de Capri.

É deprimente!

Entre os tais artistas, Antonio Pitanga, pai da Camila e marido da Benedita da Silva, que afirma que o réu condenado foi 'o homem que mais fez pela nação'. Uma lástima, mesmo que Lula tivesse feito muito, nada lhe dá o direito de roubar.

Quanto aos atores, todos, sem exceção, desprovidos de patriotismo e mirando interesses pessoais.

É Lamentável! Enojante!

Veja o vídeo:


___________

___________

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Comentários

Mais em Direito e Justiça