O preço de Gleisi Hoffmann

A senadora petista Gleisi Hoffmann está envolvida em escabrosos casos de corrupção, na iminência de ser condenada pelo Supremo Tribunal Federal (STF) em um dos processos que responde.

Segundo as planilhas da Odebrecht, dois sugestivos codinomes identificavam a senadora: Coxa e Amante.

De acordo com as denúncias nos supostos casos de corrupção envolvendo Gleisi, os prejuízos aos cofres públicos foram devastadores, astronômicos, verdadeiras fábulas.

Mesmo assim, petulante e agressiva, disposta a desviar a atenção com relação a seus casos, Gleisi escolheu o juiz Sérgio Moro como seu principal inimigo e invariavelmente o agride, sempre de maneira extremamente desrespeitosa e violenta.

Mais recentemente ela tem assacado o magistrado, considerando uma vergonha o auxílio-moradia recebido por Sergio Moro.

Diante disso, vale fazer uma comparação em quanto custam Moro e Gleisi para os cofres públicos.

Segundo o jornalista Augusto Nunes, da Revista Veja, ‘Moro ganha 28 mil por mês. Gleisi embolsa 33 mil. O auxílio concedido ao juiz da Lava Jato soma pouco mais de 50 mil por ano.’

“Em 2017, só no item ‘correios’, a senadora desperdiçou 56 mil e 286 reais. A gastança patrocinada pela cota para exercício da atividade parlamentar chegou a 376 mil 827 reais e 62 centavos no ano passado.”

“Com passagens aéreas, aquáticas e terrestres, a presidente do PT jogou pelo ralo mais de 157 mil reais.”

Fica a pergunta: Quem produz mais para o pais?

Aliás, Gleisi que ganha mais que o juiz, produz contra o país.



da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Política