O novo Sassá Mutema

Causa-me espécie a tentativa de Raul Jungmann posar como Salvador da Pátria.

Jungmann perseguiu de forma im-pla-cá-vel o General Mourão porque este disse:

"Estamos vivendo a famosa 'sarneyzação'. Nosso atual presidente [Temer] vai aos trancos e barrancos, buscando se equilibrar, e, mediante o balcão de negócios, chegar ao final de seu mandato."
Jungmann é um Sassá Mutema nato.

Pequeno, tacanho, limitadíssimo, oportunista e volátil.

A história comprova que Jungmann não tem moral ne-nhu-ma para ser Ministro da Defesa.

Trata-se sim de um comunista que ajudou, e muito, a fazer com que as instituições do Brasil chegassem ao estado PedesTre em que se encontram.

A medida da intervenção federal no Rio de Janeiro é cabível e adequada?

Sim, lógico que é.

Agora, não podemos dar crédito a quem está em débito historicamente de há muito.

O General Mourão foi brilhante no que disse, mesmo tendo sido exonerado injustamente e lamentavelmente por Raul Jungmann.

Mais uma vez a irrevogável lição de Galileu veste como uma luva à história:

"A verdade é filha do tempo, e não da autoridade".


Pedro Lagomarcino

Advogado em Porto Alegre (RS)

Siga-nos no Twitter!

Mais de Pedro Lagomarcino

Comentários