Chega ao fim o “bolsa crack” implantado por Haddad em São Paulo

Mais uma derrota para a turma defensora das teses do ‘politicamente correto’.

O tal do ‘bolsa crack’ está com os seus dias contados.

A ‘ajuda’ de R$ 500 mensais que a prefeitura de São Paulo dava para usuários de crack em troca de supostamente efetuarem serviços como varrição de ruas, jardinagem e reciclagem, vai acabar neste mês de março.

Na prática, o poder público financiava a compra de drogas.

O usuário era um mero intermediário do repasse da grana, da prefeitura para o traficante.

Na campanha eleitoral, João Dória já havia dito que iria acabar com o programa, que ele qualificava como ‘Braços Abertos para a Morte’.

Um verdadeiro absurdo!

A arte de 'maquiar' o problema.



da Redação

Siga-nos no Twitter!

Comentários

Mais em Sociedade