Xô inveja!

Uma das coisas que admiro no povo americano é o amor pelo sucesso, pelo progresso individual e coletivo.

No dia de ação de graças eles louvam a Deus pelas bênçãos do progresso material e quem tem sucesso é louvado.

No Brasil é o contrário. A inveja come solta, quem tem progresso precisa se esconder.

Fico estarrecido e muito triste, para dizer o mínimo com as postagens sobre a operação do Neymar.

Fora uma ou outra, que como humor faz críticas ao sistema público de saúde – como a de dois parafusos atados do lado externo de um pé com bandagem com a sigla SUS – o resto revela uma profunda e maldosa inveja do rapaz.

Se ele fechou uma ala de um hospital (particular) é uma atitude dele e dos proprietários do hospital, PAGO COM O DINHEIRO DELE, ganho honestamente com muito TRABALHO.

Tenho minhas restrições às atitudes dele e principalmente do pai dele, mas RESPEITO o VENCEDOR, O TRABALHADOR.

Xô inveja!



Fayez Feiz José Rizk

Arquiteto em Campo Grande-MS.

Mais de Fayez Feiz José Rizk

Comentários