Polícia encontra R$ 70 mil debaixo de colchão de padre suspeito de desvio de dízimo

A Operação Caifás deflagrada nesta segunda-feira (19) pelo Ministério Público de Goiás cumpriu 13 mandados de prisão e 10 de busca e apreensão.

Bispo e padres compunham uma verdadeira quadrilha que achacava os dízimos, doações e taxas cobradas pela igreja católica de seus fiéis.

As denúncias teriam partido dos próprios fiéis e os desvios, segundo as investigações, tiveram início em 2015.

Na casa de um dos presos, o monsenhor Epitácio Cardoso Pereira, foram encontrados R$ 70 mil em dinheiro vivo, além de uma quantidade em dólares.

O MP acusa o bispo de Formosa Dom José Ronaldo de ser o articulador e líder do esquema.

O grupo é acusado de ter adquirido fazenda, gado e uma casa lotérica com o produto do crime.

da Redação

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Policia