Valdivino Sousa

Prof. Ms Valdivno Sousa é Contador, Matemático, Pedagogo, Psicanalista, Bacharel em Direito, Escritor e Mestrado em Ciências da Educação Matemática.

14ª Olimpíada Brasileira de Matemática tem inscrições abertas até 2 de abril

A matemática está em tudo! Isso já foi comprovado cientificamente, pois é mais ano e mais uma Olimpíada de Matemática. Escolas públicas e privadas já podem se inscrever para a 14ª Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obmep). As inscrições para a edição 2018 começou no dia 21 de Março e vai até 2 de abril. A ficha de inscrição deve ser preenchida pelas escolas pela internet.

A primeira fase da olimpíada será realizada em 5 de junho, e a segunda, em 15 de setembro. Os vencedores devem ser anunciados em 21 de novembro, segundo o calendário divulgado pelo Instituto de Matemática Pura e Aplicada (Impa), que realiza a competição de matemática.

Podem participar escolas com turmas de ensino fundamental II (do sexto ao nono ano) ou de ensino médio.

As provas serão aplicadas nos dias 5 de junho (1ª fase) e 15 de setembro (2ª fase). A divulgação dos vencedores também já tem data: 21 de novembro. Premiados com medalha de ouro, prata ou bronze garantem o ingresso em programas de iniciação científica.

Criada pelo IMPA em 2005 e realizada com apoio da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM), a competição é promovida com recursos do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e do Ministério da Educação (MEC) e integra as atividades do Biênio da Matemática Gomes de Sousa 2017-2018.

Minas Gerais no topo
Em 2017, os estudantes mineiros colocaram o estado no lugar mais alto do pódio da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Púbicas (Obmep) 2017. Minas Gerais foi o estado com o maior número de medalhas na competição, entre as escolas públicas. Foi a 11ª vez consecutiva que Minas Gerais ficou em primeiro lugar em número de alunos medalhistas. Ao todo, foram 1.448 medalhas, sendo 119 de ouro, 381 de prata e 948 de bronze. O segundo estado com mais premiações é São Paulo, com 94 de ouro, 274 de prata, 914 de bronze.

 A Olimpíada é uma realização do Instituto Nacional de Matemática Pura e Aplicada (IMPA) e tem como objetivo melhorar a qualidade da educação básica por meio do estimulo do ensino da matemática através de competições, identificando jovens talentos para a ciência em geral, entre alunos de escolas das redes públicas e privadas. As provas serão realizadas em duas fases, a primeira será dia 05 de junho na própria unidade escolar.

Sendo a competição dividida em três níveis (nível 1 – para estudantes do 6º e do 7º anos; nível 2 – para estudantes do 8º e do 9º anos e nível 3 - estudantes do ensino médio)  e será realizada em duas fases. E os estudantes com melhor desempenho serão classificados para a segunda, que acontecerá no dia 15 de setembro.

Em 2017, 100% das escolas da rede municipal de ensino aderiram à Obmep e a participação das unidades escolares em competições de nível nacional vem aumentando significativamente a cada ano. O que reforça e incentiva o trabalho conjunto dos profissionais que atuam na educação municipal visando à qualidade do ensino ofertado.

Para as escolas que ainda não realizaram a inscrição e querem saber mais sobre como é realizada a Obmep, basta acessar o regulamento que consta todas as informações.

OBATambém estão abertas as inscrições para a 21 ª edição da Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA). As inscrições seguem até dia 31 de março e podem participar os alunos de escolas da rede pública e privada da educação básica.

A OBA possui uma única fase e consiste na realização de uma única prova, com dez questões, realizada simultaneamente em todas as escolas participantes, no dia 18 de maio pelo site OBA.  

Valdivino Sousa

Prof. Ms Valdivno Sousa é Contador, Matemático, Pedagogo, Psicanalista, Bacharel em Direito, Escritor e Mestrado em Ciências da Educação Matemática.

Siga-nos no Twitter!

Mais de Valdivino Sousa

Comentários

Notícias relacionadas