A incoerência da esquerda e o boicote a arte

A esquerda, que há poucos dias defendia e sustentava que não se censura a arte, agora, repentinamente, boicota a arte.

Os 'intelectuais' esquerdistas lançaram o boicote à série ‘O Mecanismo’, que retrata a Operação Lava Jato.

Um movimento de cancelamento de assinaturas da Netflix foi lançado.

Noutras palavras, tentam sabotar a arte.

Não aceitam a visão do diretor José Padilha.

Até Dilma entrou na parada: “Padilha incorre na distorção da realidade e na propagação de mentiras de toda sorte para atacar a mim e ao presidente Lula. A série ‘O Mecanismo’, na Netflix, é mentirosa e dissimulada. O diretor inventa fatos. Ele próprio tornou-se um criador de notícias falsas”.

Os críticos também desaprovam algumas supostas imprecisões dos fatos, com relação ao tempo exato em que aconteceram.

Padilha detona: “Essa discussão é como se o sujeito entrasse na sua casa, estuprasse sua esposa, amarrasse seu filho, roubasse um isqueiro. A esquerda quer discutir o isqueiro, porque, se ela olhar para o macro, para o que aconteceu, não vai ter o que falar”.

De qualquer forma, a ação de boicote teve efeito contrário.

A esquerda no Brasil cava cada vez mais fundo a sua própria desmoralização.

A Netflix agradece.

da Redação

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Tema Livre