General se posiciona sobre o suposto atentado a caravana petista: "O tiro saiu pela culatra e o fracasso da manobra é prova eloquente de que a máscara do ilusionista caiu"

Lula a lixeira da história o aguarda...

Frustração, a caravana do larápio não produziu um cadáver...

Caros amigos

Terminou hoje, na República de Curitiba, a expedição aos estados do sul, realizada pelo criminoso Lula da Silva, acompanhado por um séquito de suspeitos investigados pela Polícia Federal e pelo Ministério Público.

Os gaúchos, escaldados pelo prejuízo financeiro, ético e moral do longo período em que deram crédito ao Partido dos Trabalhadores Que Não Trabalham, com muita razão, interpretaram a visita como um desaforo e impediram o acesso da caravana de quadrilheiros às cidades escaladas para ouvir os nauseante e surrados discursos do corrupto ladravaz que ainda está em liberdade por honra e glória dos Ministros do STF que com ele “simpatizam" ou têm laços de amizade e gratidão.
Onde conseguiu falar, não desperdiçou a chance para mostrar seu ódio pelo trabalhador que trabalha, produz e cria empregos, sendo que, desta vez acrescentou às suas razões o fato de ter sido alvo de parte da produção de tomates e ovos da região!

Como ex-presidente, ainda em liberdade, teve, por ironia das circunstâncias, direito à escolta dos policiais que, mais cedo ou mais tarde, estarão encarregados de levá-lo ao cárcere.

Foi hostilizado em todos os lugares por onde andou e de onde, segundo consta, por vezes, teve que ser “extraído” por via aérea para fugir do rechaço mais veemente da população ofendida com a sua malquerida presença.

Por fim, ostenta como “troféu de guerra” - já que a incursão em território adverso não conseguiu produzir nenhum cadáver - marcas de balas em ônibus do comboio, o que, a julgar por outras suspeitíssimas ocorrências, como é o caso da morte do Prefeito Celso Daniel, nos permite acreditar tratar-se de mais uma tramoia para tentar incriminar a revolta dos que não suportam mais sustentar vagabundos.
Enfim, o tiro saiu pela culatra e o fracasso da manobra é prova eloquente de que a máscara do ilusionista caiu, restando-lhe apenas a companhia dos cúmplices e dos mercenários de passeatas e de comícios.

A lixeira da história o aguarda!!

Gen Bda Paulo Chagas.

da Redação

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Sociedade