Gilmar Mendes declara guerra ao juiz Sérgio Moro

O ministro Gilmar Mendes, segundo o jurista Modesto Carvalhosa, é uma figura execrável.

Além desse predicado, Carvalhosa atribuiu inúmeros outros ao ilustre ministro, mas Gilmar não teve coragem de processá-lo.

Concordamos plenamente com a opinião do jurista.

E nesta quarta-feira (11), mais uma vez o ser supremo deu demonstração de sua personalidade distorcida.

Invejoso, ele parece não admitir o sucesso do juiz Sérgio Moro.

Desta feita extrapolou.

Ao mencionar que “prisões cautelares decretadas por Sergio Moro estão se tornando definitivas”, Gilmar Mendes diz que só falta elaborar a “Constituição da República de Curitiba”.

“É isto que se quer? Este sujeito fala com Deus?”, concluiu Gilmar.

Na realidade, Moro reproduz os anseios da sociedade, contra os corruptos e a corrupção. Nada mais.

Gilmar é execrável!

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Direito e Justiça