A mulher de Zanin também fala...

O casal se merece.

Valeska Teixeira Zanin, esposa do abobalhado Cristiano Zanin, resolveu dar uma força para o marido, e finalmente demonstrou que também sabe falar.

Só bobagens, lamentavelmente. Realmente, o casal se merece.

“Estamos tendo práticas verdadeiramente autoritárias nesse processo”.
Todas as possibilidades de defesa foram concedidas a Lula. O próprio Cristiano, rude e aético, inúmeras vezes chegou a insultar o juiz Sérgio Moro. A defesa de Lula sim, foi autoritária, mas quedou-se ante a falta de argumentos e razão.

Valeska ainda destacou a manipulação do Judiciário ao aplicar técnicas incompreensíveis para grande parte da população como forma de manipulação dos fatos.

Outra mentira. Quem efetivamente tentou manipular o Judiciário, inclusive o STF, foi a defesa de Lula, bancando até mesmo a contratação milionária do ex-ministro Sepúlveda Pertence.

“É um mundo absolutamente alienígena para o cidadão que não faz parte do Direito. É difícil a compreensão. Ainda assim, todo mundo sabe, há algo de errado nesse processo”, pontuou a advogada.
Na realidade há algo de errado no processo penal brasileiro, que dá ao criminoso a possibilidade de inúmeros e infindáveis recursos, todos de cunho meramente protelatório.

Por derradeiro, disse a ilustre causídica, sobre o recurso na Comissão de Direitos Humanos da ONU:

“O ex-presidente Lula é o primeiro cidadão brasileiro a entrar com esse pedido de proteção no Comitê de Direitos Humanos da ONU. Entramos com um processo cautelar para garantir a admissibilidade do comunicado individual, para que a ONU recomende a soltura do ex-presidente Lula e paralise essa arbitrariedade”
Mera encenação. Ela própria se trai quando enfatiza “para que a ONU recomende a soltura do ex-presidente Lula”. A ONU não pode e não tem poderes para influenciar no Poder Judiciário brasileiro. O Brasil é um país livre. Para tal encenação a defesa de Lula gastou uma fábula de dinheiro para contratar o advogado britânico Geoffrey Robertson, um dos mais caros do mundo.

De onde saiu todo esse dinheiro?

A advogada deve poupar suas energias, pois em breve terá que defender o próprio pai, o advogado Roberto Teixeira, cúmplice de Lula em inúmeras falcatruas.

da Redação

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Direito e Justiça