A segunda carta do cárcere: de Lula para Gleisi (Veja o Vídeo)

Lula escreveu a sua segunda carta do cárcere, esta especialmente para a presidente do PT, Gleisi Hoffmann.

O meliante petista clama por sua liberdade e se diz inocente. 

A missiva de Lula é patética, nauseante e repleta de mentiras.

Realmente, mesmo preso, o sujeito não se emenda

.      
“Querida Gleisi,
Gostaria que vocês ficassem totalmente a vontade para tomar qualquer decisão, porque 2018 é muito importante para o PT, para a esquerda e para a democracia. E para mim, eu quero a minha liberdade.”
“Tem insinuações de que se eu não for candidato, se eu não tiver holofote, se eu não falar contra a condenação, será mais fácil a votação a meu favor.”
“A Suprema Corte, não tem que me absolver porque sou candidato, porque vou ficar bonzinho, ela tem que votar porque sou inocente e também para recuperar o papel constitucional, que é ser garantia do comportamento da Constituição.”
“Transmita um abraço carinhoso a todos e a todas. Estou com muitas saudades. E vontade de abraçar a cada um pessoalmente.”
“Fiquei feliz com a pesquisa e preciso discutir com os nossos para pensar como fortalecer a ideia da prova. Vou conversar com os advogados para falarem com você.”
“A luta continua. Até a vitória final.”
“Beijos, do seu amigo e companheiro, Lula.”
Veja o vídeo:

da Redação

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Política