Primo de Pimenta detona, revela o seu caráter e destrói o petista nas redes sociais

Tu és um câncer nojento, Paulinho, e até a tua família quer distância de ti.

Um policial militar aposentado, gaúcho de Gravataí, que se apresenta como primo do deputado federal petista Paulo Pimenta, utilizou as redes sociais para aniquilar o parlamentar.

Naôr SEVERO, logo no início de seu comentário, faz questão de mencionar o nome completo do deputado - Paulo Roberto SEVERO Pimenta – demonstrando terem o mesmo sobrenome, o que indica que provavelmente sejam realmente primos.

De todo modo, pelo relato de Naôr é que se percebe que ele realmente conhece com profundidade o deputado petista que, caso não consiga a reeleição, cairá diretamente nas mãos do juiz Sérgio Moro, na República de Curitiba.

As postagens de Naôr Severo foram postadas na página do Jornal da Cidade Online no Facebook, no post de divulgação da matéria “Juíza encara desafio de Paulo Pimenta e barra visita de deputados a Lula”, que pode ser vista neste link: VEJA AQUI.

Veja o conteúdo das duas manifestações do primo de Paulo Pimenta:


E agora, primo Paulo Roberto Severo Pimenta, vai encarar a doutora Carolina Lebbos, uma juíza decente, ou vai demonstrar mais uma vez a tua natureza insidiosa e covarde, que precisa sempre de um boi de piranha pra assumir as tuas cagadas? Primo Paulinho, tu covardemente me bloqueaste na tua imunda página, porque não queria mais ouvir minha opinião sobre as merdas que tu vives fazendo, e é por isso que comento de ti em outras páginas. Tu és um câncer nojento, Paulinho, e até a tua família quer distância de ti.
Teu medíocre destino está traçado: vais levar um pé na bunda nas próximas eleições e, como estás enrolado até os ovos no propinoduto da Lava Jato, a partir de janeiro de 2019 cairás no colo do juiz Sérgio Moro, sem paraquedas.
E eu, como sou um bom primo, vou rir muito da tua cara quando estiveres lavando as cuecas do teu painho Mula da Silva na cadeia.
Parasita!
 

Naôr voltou a intervir em resposta a manifestação de uma leitora:

Tens razão, Regina Pontes, fui um tanto generoso com meu querido priminho. Eu o conheço muito bem, talvez mais do que ele gostaria, e por isso mesmo eu poderia triturá-lo com facilidade. Mas não! Não o farei ser bem "conhecido" nesta página, por motivos óbvios, mas pessoalmente farei com que o crápula em questão não se reeleja e esteja inteiramente à disposição do grande juiz Sérgio Moro, já em janeiro próximo.
Dedetizar o Congresso Nacional (e exterminar - nas urnas - os vermes petralhas e esquerdopatas em geral) é responsabilidade nossa, cara Regina, e não podemos nos furtar a esse necessário e patriótico gesto. Outubro será, enfim, a nossa redenção, e o Brasil voltará às nossas mãos para a reconstrução.
"Brasil acima de tudo, Deus acima de todos!"

da Redação

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Política