Pimenta, o mais infame, responsabiliza Cármen Lúcia, Moro e Bolsonaro por tiro no acampamento (Veja o Vídeo)

Esse Paulo Pimenta, deputado gaúcho desmascarado há poucos dias por um primo (Veja Aqui), é pernóstico.

Não respeita ninguém.

No vídeo que gravou a respeito dos tiros desferidos na madrugada deste sábado (28) no acampamento petista em Curitiba, ele atribui responsabilidade à ministra Cármen Lúcia, ao juiz Sérgio Moro e a apoiadores do pré candidato Jair Bolsonaro

Veja o vídeo:

Uma câmera de um imóvel em frente ao local onde aconteceram os fatos, conseguiu filmar o episódio.

Foi uma atitude isolada, de uma só pessoa. A câmera flagra o indivíduo correndo e atirando, solitário. Não havia grupo nenhum.

Parece óbvio que não foi atentado.

Pelo vídeo, está mais para mera ‘briga de rua’.

Veja o vídeo:

da Redação

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Política