Delação de Curicica terá dimensões imprevisíveis

Sob sigilo, a Polícia Civil e o Ministério Público do Rio de Janeiro estão negociando um acordo de delação premiada com o ex-PM Orlando Oliveira de Araújo, o Orlando de Curicica.

Curicica está preso sob a acusação de chefiar uma milícia na Zona Oeste do Rio.

Porém, após a prisão, uma testemunha dos assassinatos da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes, revelou a sua participação no crime, juntamente com o vereador Marcelo Sicilliano.

Caso a delação premiada avance e se concretize, o 'caso Marielle' será desvendado e inúmeros políticos estarão em maus lençóis.

A delação do miliciano fatalmente irá detonar a relação da imunda classe política com a bandidagem no Rio de Janeiro.

da Redação

Siga-nos no Twitter!

Notícias relacionadas

Comentários

Mais em Direito e Justiça